segunda-feira, 28 de março de 2011

Lua em Aquário, o que o céu nos reserva?

Lua em Aquário! Quem estava com seu bode amarraddo (eu!), pode deixar ele pastar em outra freguesia, pelo menos até o próximo mês. Em Aquário, a Lua deixa o humor coletivo mais espontâneo: este é signo da liberdade, independência, do que está fora do estabelecido. Também do humanitarismo: importa o grupo, não o indivíduo. Também do interesse pela tecnologia.

Faz tempo que venho percebendo que, na Lua em Aquário, recebo notícias que aguardo há um tempo - Aquário, a novidade, o inesperado. Os resultados dos concursos que eu tinha feito saíam na Lua em Aquário - ou até saíam antes, mas a notícia do resultado só chegava até mim sob esta Lua. O que o Céu nos reservará hoje?

E que tal fazermos nós o papel de Lua em Aquário, sendo esse inesperado onde estivermos?

A Lua faz aspecto com o Urano, o regente moderno de Aquário, durante quase todo o dia. Urano (o significador da ciência, eletricidade, aviões) em Áries, esse esquentadinho, sendo ativado pela Lua? Urano em Áries junto a Marte (força, trabalho, luta, armas, guerras)? Isso tem jeito de acidente.

(Em astrologuês: se fosse um aspecto "tenso", uma quadratura ou oposição, teria mas medo de um acidente. Mas é um aspecto "fluido", um sextil. Vamos acompanhar o desenrolar do dia e ver o que há).

À noite, ficamos mais sisudos: a Lua se comunica com Saturno. O que quer que tenha sido estilhaçado mais cedo, quando do contato com Urano, está feito. Agora é recolher caquinhos, limpar sujeiras, e seguir.

2 comentários:

Sarah disse...

Nanda,

Que texto delicioso! E quanto saber sobre o céu! Não sabia que você era tão danada assim no assunto. Parabéns! Já virei freguesa do seu espaço, viu?

Beijocas,
Sarinha

Ana F. disse...

Obrigada, #sualinda
:D